Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2010

STEPHANIE MEYER: UMA VAMPIRA DE SEUS LEITORES

Estou em dívida com os seguidores deste blog, já que faz tempo não posto um texto sobre filmes. Recentemente, a convite de minha sobrinha de 17 anos, fui assistir ao filme Eclipse, terceira parte do romance da Saga Crepúsculo. Como sabemos, a escritora Stephanie Meyer vendeu os direitos de filmagem de seus 4 romances a Summit Entertaiment e desde então diferentes diretores têm se aventurado no folhetim vampiresco, considerando folhetim um gênero de texto de fácil leitura, tendo como base uma história estruturada em uma sequência de ações que culminam em um desfecho que aponta para um final mais ou menos fechado, quase sempre um final feliz.

Uma das questões que sempre emerge quando se adapta um romance para um filme, portanto uma outra linguagem , suporte e relação com o leitor, é se o filme foi fiel ao romance. É comum as pessoas saírem do cinema desoladas porque não viu intensidade suficiente em determinadas passagens ou até mesmo que os trechos tivessem suprimido partes tidas como i…